Dark Side RPG

Um RPG que se passa em um mundo pós-apocalíptico, com vários reinos se formando sobre as ruínas do mundo antigo.
 
InícioCalendárioGaleriaFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Steve Campanaro

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Steve Campanaro

avatar

Sexo : Masculino
Data de nascimento : 20/06/1988
Horóscopo chinês : Dragão
Zodíaco : Gémeos
Status : Morto(a)
Terra Natal : Desconhecido
Tendência : Leal - Mau
Data de inscrição : 30/06/2014
Mensagens : 3

MensagemAssunto: Steve Campanaro   Sex Jul 11, 2014 1:47 am

Biografia


Máfia, organização que sempre age nas sombras da cidade, conhecida por repressões e violência, mas por outro lado, a pressão dentro da própria máfia sempre é grande, principalmente no líder. E na Itália havia uma, onde o líder se chamava Richard Campanaro. Em uma época de sua liderança, como o mesmo não sabia administrar direito, a máfia estava quebrando. Eles precisavam de capital urgentemente e Richard tinha uma ideia, conquistar alguma mulher podre de rica com o intuito de reerguer a máfia. E a mulher escolhida foi Marianne Andreatta, uma jovem inocente que com o charme de Richard foi conquistada em pouco tempo. Ela se apaixonou por Richard profundamente, mas o mesmo só tinha interesse no dinheiro dela. Eles se casaram, a máfia se reergueu, mas o casamento ainda tinha um clima ruim, Marianne sempre estava triste. Mesmo com a chegada do primeiro filho do casal, Steve Campanaro, no dia 20 de junho de 1988, nada mudara.

Richard ao ganhar um filho de certo ficou contente e desde cedo já o queria treinar para ser um futuro exemplo para a máfia, Marianne não queria isso mas ela fora obrigada pelo marido à ceder. Ela nunca teve coragem de questionar Richard e sempre fazia tudo o que ele mandava, Marianne era uma mulher sem coragem. Com isso, aos 5 anos Steve foi mandado para uma enorme mansão isolada da cidade. Ao chegar na mansão, o jovem se deparava com vários outros garotos, 29 para ser mais exato (com Steve completava 30). Aquele lugar era uma espécie de escola, mas ao mesmo tempo uma prisão pelos alunos não poderem sair do local. Em seu primeiro dia, Steve já foi colocado com um colega de quarto, chamado Mark Gazzola. No começo os dois não se entendiam de jeito algum, mas com o tempo foram criando um forte laço de amizade.

Dentro daquela mansão, os professores ensinavam aos alunos tudo que uma escola normal ensinaria e mais um pouco, tinham aulas sobre pontos frágeis do corpo humano, em como saber o lugar certo de bater, e aulas de qualquer tipo de luta à preferência dos alunos. Steve quis aprender em como atirar e a lutar esgrima. Anos iam se passando e aquele lugar cada vez mais mudava a cabeça de todos, o único que não mudava tanto era Steve. Ele de fato tinha um intelecto maior do que qualquer um ali e não se deixava levar pelas manipulações que certos professores faziam, era como se estivessem moldando assassinos, mas também ensinamentos de liderança. Mesmo sendo bastante inteligente, Steve não entendia a relação entre as duas coisas, porém não estava muito longe de descobrir a verdade...

Já haviam se passado 9 anos desde que Steve tinha entrado naquela mansão. E no dia em questão os professores levavam os alunos até um vasto campo, que mais parecia uma floresta toda monitorada por câmeras. Até que um professor tomava voz de tudo, dizendo a razão de estarem ali, fora da mansão. Steve descobria a sombria verdade sobre a máfia italiana, seu herdeiro era escolhido através de uma batalha de vida ou morte, sendo que o sobrevivente seria o herdeiro, assumiria assim que atual líder falecesse. Agora o rapaz sabia porque seu pai não tinha um dos braços, devia ser por causa dessa batalha. O garoto nunca havia matado antes, mas estava furioso com aquele sistema, como podiam permitir aquilo? Era doentio!

Cada aluno era levado até um ponto de partida, e os jogos começavam. Foram lhes dadas uma arma branca e uma de fogo, por escolha dos próprios, e Steve resolveu ficar escondido e pensar em uma maneira de escapar daquela floresta. Não queria de jeito algum matar algum de seus colegas, que viveram com ele por 9 longos anos, e talvez seus colegas também poderiam estar fazendo o mesmo, não acreditava que alguém estivesse disposto de matar por um motivo tão pequeno.

Até que duas horas depois do teste começar, uma voz surgia dos alto-falantes da floresta, enquanto Steve tentava achar um meio de fugir. Dizia que faltavam apenas dois sobreviventes e que ambos estavam próximos um do outro. O rapaz se assustava, eles estavam mesmo se matando pelo título, era então que uma voz familiar chamava por Steve, ao se virar via a sua frente seu colega de quarto. Mark vinha de uma família italiana de espadachins, e estava coberto de sangue, não dele e sim de outros competidores. A visão deixava Steve surpreso, e Mark já avançava sem avisar, e o filho do líder atual sacava seu sabre com rapidez e se defendia como podia. Gritava para seu amigo porque estava fazendo aquilo e então Mark revelava estar atrás do título de herdeiro. Que era direito da família dele depois que Richard havia eliminado seu tio na última batalha de uma maneira covarde.

Traição, foi o que o tio de Mark havia sofrido nas mãos do pai de Steve, e agora estava acontecendo a mesma coisa, porém de lados opostos. Steve ao saber dessa história não sabia no que pensar, quanto um ser humano podia ser sujo? Ser irracional. Ele detestava tudo aquilo, ele detestava ser da mesma raça que eles. E como Mark já estava cansado de tantas batalhas por duas incessáveis horas, quando o mesmo golpeava com um balanço enorme devido sua falta de estamina, Steve sacava o revólver que havia escolhido junto do sabre e atirava na cabeça de Mark. No fim do teste, os olhos de Steve não eram mais os mesmos, estavam totalmente frios, odiando tudo a sua volta. Pensava em apenas uma coisa. Tomar o controle da máfia a força, antes do esperado, e mudar todas essas regras estúpidas. Não podia deixar algo tão irracional continuar.

O herdeiro da máfia italiana agora saindo da mansão preparatória juntava com alguns mafiosos que estavam insatisfeitos com o comando de Richard, e junto deles planejava um golpe, para tirar a vida do casal que estava no poder da máfia. Em um dia, durante a reunião semanal que Richard tinha com seus sócios, o grupo armado entrava na sala da reunião, e executava os sócios ali presentes a tiros, e por último miravam em Richard, que encurralado perguntava indignado o porquê daquela invasão, notando que eram integrantes da máfia a sua frente, e quando a pergunta surgia, Steve tomava a frente do grupo, com uma pistola em mãos. Seu pai ao ver que era obra de seu filho começava a rir, dizendo que desse jeito ele nunca conseguiria comandar nada, traindo a todos. E então, Steve a sangue frio, atirava em seu pai, dizendo que ele havia traído a todos primeiro.

Após a execução do líder, partia para o local onde havia mandado o segundo time de esquadrão de rebelião, o objetivo era assassinar a esposa de Richard, sua mãe, que mesmo sabendo de tudo isso nunca interviu. E ser fraca não era motivo para que ela protegesse um filho, mas ao chegar ouvia o esquadrão dizer que havia uma outra pessoa com ela, e tiveram que matar também. Steve não entendia muito bem, era uma empregada? Mas era dia de folga delas... quem era? Quando entrava na cena do assassinato via sua mãe no chão, e ao seu lado, uma criança. Uma menina, que tinha os mesmo olhos de Marianne e os mesmos olhos de Steve. Logo ele deduzia que se tratava de sua irmã, mesmo que nunca tivesse ouvido falar em ter uma. O rapaz se ajoelhava, e percebia que fazendo aquilo estava se tornando mais como os humanos imundos que o cercavam, desesperado por ter a sua frente o corpo de uma garota inocente, e além do mais, sua pequena irmã.

Em meio a seu desespero, um ser surgia das sombras daquela mansão enquanto o esquadrão de Steve permanecia do lado de fora, era um velho, mas ao bater o olho o herdeiro da máfia sabia que ele não era comum, tinha uma presença muito distorcida para ser um humano. Mesmo não acreditando que existisse nada além dos humanos e outras raças selvagens, Steve se levantava e olhava para o ser sem expressão alguma no rosto. Ele acreditava ter se tornado mais um humano sujo que aquele mundo tinha, mas o velho dizia o contrário, a culpa eram daqueles que cometeram o assassinato, que ele, líder do esquadrão, havia mandado apenas eliminar Marianne. Aquilo trazia um pouco de brilho para os olhos do rapaz, mas quem era aquele homem? Por que ele sabia disso tudo? E logo o ser se revelava, estava na superfície, disfarçado, mas se tratava de Hades, um dos deuses do submundo. A princípio Steve não acreditava, era cético demais para isso, mas ao ouvir Hades dizendo toda sua história e além disso ele começava a emanar uma aura monstruosa, que distorcia a visão em sua volta.

Steve estava assustado, mas não havia mais dúvidas, estava de frente para um deus. Perguntava o que trazia um deus ali, e Hades respondia a Steve, estava interessado em seu potencial, e também do seu desejo de não ser um humano como os outros. O deus prometia trazer sua irmã de volta, se Steve fizesse algo em troca. Deveria espalhar o caos naquele mundo, para aumentar os poderes dele como deus. Quanto mais rancor e morte tivesse no mundo, mais o submundo se tornaria forte, e era isso que Hades queria, poder. Steve vendo isso uma maneira de salvação de sua irmã, aceitava, mas ao ouvir toda aquela história vinda do deus começava a abrir a mente de Steve para algo maior ainda, era bom descobrir que os humanos não controlavam totalmente a terra, existem outros seres que ainda não se manifestaram...

Sua irmã, Katherine, retornava, mas seu corpo parecia oco por dentro, era como um recipiente, tanto que a garota parecia uma boneca agora, sem vontade alguma. Hades dizia que uma vez que ele completasse a sua tarefa, a alma de Katherine seria devolvida. E para ajudar na tarefa, Steve recebia de Hades uma habilidade, seu olho esquerdo, capaz de uma troca de olhares, fazer a vítima seguir uma ordem de Steve a risca quando as condições forem alcançadas. O olho do Rei Sombrio agora era uma arma que Steve tinha para obter controle sobre pessoas. A única restrição da habilidade era o número de vezes que podia ser usada em um indivíduo, uma única vez. Depois que Hades saia do local, Steve se virava para sua irmã, que estava ali parada. Era um corpo sem alma, mas conseguia entender o básico, seu cérebro funcionava. Por isso o rapaz dizia que logo tudo estaria bem, que apenas precisava segui-lo, e com isso dito a garota saia da mansão acompanhando Steve, que ao se encontrar novamente com seu esquadrão testava a habilidade que havia acabado de receber. Mandando todos eles se matarem, e exatamente como Hades havia dito acontecia. A ordem dada era cumprida, e Steve se vingava da incompetência deles em matarem uma garota inocente. E a partir daquele dia, o usuário do Olho do Rei Sombrio cuidaria de sua irmã, e a protegeria de qualquer coisa até que sua alma pudesse retornar ao seu corpo.

Dias depois, enviava uma mensagem para todos os integrantes da máfia italiana, era uma reunião em um grande auditório da própria mansão dos Campanaros. E quando todos estavam presentes, se perguntando no que estava acontecendo, surgia Steve encima do palco, e ao pegar o microfone declarava ser o novo líder da máfia e que Richard estava morto. As pessoas começavam a se rebelar e reclamar, era algo inaceitável serem comandados por um garoto de 15 anos, mas aquele garoto de 15 anos tinha uma mente bem mais ampla do que qualquer um ali daquele salão. Steve era um gênio, com uma mente forte e já moldada. Seu objetivo era claro, e usando o Olho do Rei Sombrio em todos do auditório, os obrigavam a seguir suas ordens. A máfia italiana agora seria uma organização mundial, e se chamaria Reborn. Um renascimento, um novo objetivo. E o primeiro passo era causa o caos no mundo. Hades podia pensar que estava controlando Steve, mas ele, desde que ganhou o olho até o dia da reunião, já havia feito um plano perfeito, para consertar tudo o que estava errado. Seguir o desejo de Hades era apenas uma parte de um plano maior.

Com o olho que havia ganhado, Steve começou a ganhar espaço mundialmente e em 2006 a Reborn já era conhecida mundialmente como a maior organização criminosa do mundo, e nem a maior organização de segurança do mundo conseguia detê-lo, o mundo aos poucos ia entrando em caos absoluto. Em todo canto do globo poderia ter algum integrante da Reborn, o que deixava todas as pessoas desconfiadas a tudo em sua volta, e o plano de Steve começava a trilhar para o caminho certo. Agora com 18 anos, era de certa forma um homem que agia nas sombras, poucas pessoas sabiam de sua identidade, e aqueles que sabiam e não faziam parte da Reborn, ou era absorvido com o Olho do Rei Sombrio ou executado caso não levantasse o interesse de Steve. Um líder de um exército leal, e logo seria o líder de um mundo inteiro. Steve tinha toda uma hierarquia de subordinados, aqueles que estavam sobre influência total de seu olho, outros com menos e os seus agentes mais poderosos não tinha influencia alguma pelo olho, pessoas que seguiam seu propósito e que agem exatamente como o líder da Reborn previa. Eram cinco no total, mas tinha uma dessas agentes que era diferente, uma que a mente de Steve não conseguia prever...

Seu nome, Sakuya del Frari. Inicialmente foi uma assassina mandada para tirar a cabeça de Steve, mas antes de ter a chance fora capturada pelos guarda-costas de Steve, e presa na prisão que existe no subsolo da mansão Campanaro. Mesmo pertencente a uma linhagem de assassinos e sendo perigosa até mesmo presa, homens de Steve morriam ao tentar deixar comida para ela, o líder da Reborn insistia em ir conversar com ela, sempre. Nos primeiros dias, Steve fazia perguntas e ele mesmo respondia por Sakuya se recusar a responder, mas depois de semanas, ela começava a respondê-las também. As perguntas mais frequentes eram o líder perguntando qual o significado da força, pelo o que ela luta, pelo o que os humanos lutam, uma opinião de como deveria ter sido algum acontecimento. Eram conversas que levavam a mais e mais perguntas. E com o tempo Sakuya foi parando de atacar qualquer um que viesse, Steve estava conseguindo ganhar a confiança daquela assassina, e praticamente um mês e meio depois da prisão dela, a garota se juntava a Reborn, sem que Steve usasse seu olho para qualquer coisa.

As habilidades de Sakuya eram incríveis, e em pouco tempo se tornava a única guarda-costas que Steve precisava. Ela era leal, fazia tudo e um pouco mais para Steve, mesmo que ele não tivesse dado uma ordem ainda, dando a vida para tarefas que nem eram tão importantes assim. E com essa sua lealdade fortíssima, superava a mente do líder da Reborn, e ele não conseguia pensar nela como uma simples ferramenta para seus planos mais, começando a ter sentimentos românticos perante sua guarda-costas.

Com a Reborn sendo a organização criminosa que estava envolvendo o mundo inteiro com o caos que promovia, Steve precisava apenas de mais uma peça para colocar seu verdadeiro plano em ação...


Última edição por Steve Campanaro em Sab Jan 03, 2015 3:15 pm, editado 3 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Steve Campanaro

avatar

Sexo : Masculino
Data de nascimento : 20/06/1988
Horóscopo chinês : Dragão
Zodíaco : Gémeos
Status : Morto(a)
Terra Natal : Desconhecido
Tendência : Leal - Mau
Data de inscrição : 30/06/2014
Mensagens : 3

MensagemAssunto: Re: Steve Campanaro   Sex Jul 11, 2014 2:27 am

Perfil


Nome: Steve Campanaro

Sexo: Masculino

Data de Nascimento: 20 de Junho de 1988

Idade: 24 anos (†)

Data e Local de Óbito: Ano 2012, Mansão Campanaro

Altura: 1, 79 m

Cor do Cabelo: Preto

Cor dos Olhos: Roxos, e durante a utilização do Olho do Rei Sombrio, seu olho esquerdo fica vermelho

Tendência: Leal - Mau


Última edição por Steve Campanaro em Sab Jun 13, 2015 5:24 pm, editado 3 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Steve Campanaro

avatar

Sexo : Masculino
Data de nascimento : 20/06/1988
Horóscopo chinês : Dragão
Zodíaco : Gémeos
Status : Morto(a)
Terra Natal : Desconhecido
Tendência : Leal - Mau
Data de inscrição : 30/06/2014
Mensagens : 3

MensagemAssunto: Re: Steve Campanaro   Sex Jan 02, 2015 4:42 pm

Música Tema


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Steve Campanaro   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Steve Campanaro
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Bill Gates vs Steve Jobs
» Depois de quase 800 horas Steve fez 100% em Dragon quest
» Acidentes aereos
» SteveFX DX10 - Está de volta

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Dark Side RPG :: Curiosidades :: Personagens-
Ir para: